Início Esporte Paralimpíada já é realidade para cerca de 130 integrantes da delegação brasileira

Paralimpíada já é realidade para cerca de 130 integrantes da delegação brasileira

4 leitura mínima
0
0
109
#


Com o fim das Olimpíadas. neste domingo (9), Tóquio se prepara para receber as Paralimpíadas que inicia no próximo dia 24.

Para os cercas de 130 integrantes da delegação brasileira, as Paralimpíadas já é realidade. As  seleções paralímpicas de natação, tênis de mesa, halterofilismo e goalball, além de membros das comissões técnicas, médica e administrativa, já estão Hamamatsu, cidade a 250 quilômetros da capital japonesa, onde será feita a aclimatação do evento.

Segundo o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), o grupo fez dois testes PCR antes do embarque e será submetido a novos exames no país-sede da Paralimpíada.

Na saída do Centro de Treinamento Paralímpico, na zona sul de São Paulo, onde as seleções estão se concentrando antes do embarque, os atletas foram festejados pelo Movimento Verde Amarelo, grupo que acompanha equipes brasileiras em diversas modalidades. Nomes importantes do paradesporto nacional, como o judoca Antônio Tenório, a velocista Ádria Santos (ambos tetracampeões paralímpicos), o nadador Clodoaldo Silva (dono de 14 medalhas, seis douradas) e o ala Ricardinho, tricampeão do futebol de 5 nos Jogos, foram homenageados com bandeiras personalizadas.

Imagens: Reprodução/Twitter/Comitê Paraolímpico

No final de semana, os atletas e membros de comissão técnica de atletismo, tiro com arco, judô, remo, vôlei sentado, tênis em cadeira de rodas, bocha e futebol de 5 embarcaram rumo à capital japonesa. Os demais integrantes da delegação viajam para Tóquio nos próximos dias.

Na outra quinta-feira (12), será a vez das equipes de parabadminton e paracanoagem, os atletas deste último sairão da Hungria. Por fim, entre os dias 17 e 25, partem os grupos de ciclismo, esgrima em cadeira de rodas, hipismo, maratona, triatlo, tiro esportivo e parataekwondo.

O Brasil será representado por 256 atletas (incluindo aqueles sem deficiência, como os guias do atletismo e do ciclismo, os calheiros da bocha, os goleiros do futebol de 5 e o timoneiro do remo) e 431 pessoas ao todo, considerando as comissões técnicas, médica e administrativa. Entre cadeiras de rodas, uniformes, malas, implementos esportivos e equipamentos médicos, são 29 toneladas de bagagem despachada. A entrada dos atletas na Vila Paralímpica está prevista para 18 de agosto.

  • Cinco cearenses participam dos Jogos Paralímpicos de Tóquio

    No próximo dia 24 de agosto começa os Jogos Paralímpico de Tóquio. Entre os atletas brasil…
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Kátia Alves
Carregar mais Esporte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 1 =

Verifique também

Bolsonaro quer que Auxílio Brasil chegue a R$ 400, mas lançamento é adiado

Em reunião na tarde de segunda-feira (18) no Palácio do Alvorada, ficou decidido que não h…