Siga-nos

Hi, what are you looking for?

Pirambu News | Notícias, análise e matérias exclusivasPirambu News | Notícias, análise e matérias exclusivas

Fortaleza

Com investimento a R$ 40 milhões, Governo do Ceará lança eixo de capacitação do programa Ceará Sem Fome

Um dos maiores programas de combate à insegurança alimentar do país, o Ceará Sem Fome alcança uma nova fase: a de capacitação e de geração de renda. O Governo do Ceará lançou, nesta quarta-feira (12), o Ceará Sem Fome + Qualificação e Renda, que trará um conjunto de ações com o objetivo de capacitar, de ajudar a entrar no mercado de trabalho e de apoiar o empreendedorismo junto ao público do programa. O governador Elmano de Freitas esteve acompanhado da primeira-dama do Estado e presidente do Comitê Intersetorial de Governança do Ceará Sem Fome, Lia Freitas; da vice-governadora, Jade Romero, e outras autoridades na solenidade de lançamento do novo eixo.

Essa nova etapa do programa Ceará Sem Fome busca promover a capacitação de beneficiários do programa e colaboradores das cozinhas através de cursos profissionalizantes e da orientação para o empreendedorismo. O investimento é de mais de R$ 40 milhões, em uma parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O governador Elmano de Freitas destacou a importância desse novo momento do Ceará Sem Fome. “O dia de hoje é um dia muito importante naquilo que acreditamos como seres humanos, como pessoas que querem transformar uma sociedade”, ressaltou o governador. “Nós sabemos que apenas a distribuição de quentinhas não resolve nosso problema, resolve aquela fome, naquele momento. E é por isso que queremos com o trabalho sério de encontrar essas famílias, entender suas demandas e capacitar, pelo menos um membro de cada família, a partir dos 16 anos, e dessa maneira a pessoa se libertar, ganhar autonomia, cidadania e dignidade de viver do seu trabalho. E foi para isso que criamos o Ceará Sem Fome”, completou.

Responsável pelo desenvolvimento do programa, a primeira-dama e presidente do Comitê Intersetorial de Governança do Ceará Sem Fome, Lia de Freitas, ressaltou a felicidade de ver essa nova etapa ser lançada e promover novas oportunidades para pessoas mais vulneráveis. “Nesse momento, é que se realiza tudo que planejamos lá no começo, quando ainda estávamos no grupo de trabalho pensando o Ceará Sem Fome. Porque é muito mais do que um prato de comida. Agora, vamos atender, não só os anseios dos beneficiários do Ceará Sem Fome, mas também gerar autonomia financeira e oportunidades para essas pessoas que tanto buscam um olhar, um ouvir”, pontuou a Lia de Freitas.

Hoje, o programa Ceará Sem Fome já alcança mais de 53 mil famílias por meio do Cartão, com R$ 300 por mês, e tem 1.080 cozinhas funcionando em todo o estado, distribuindo diariamente mais de 100 mil quentinhas para pessoas em situação de vulnerabilidade social – acumulando mais de 16 milhões de refeições desde a sua implantação.

Formação para quem precisa

Como uma iniciativa de auxílio a pessoas em situação de vulnerabilidade social, a nova etapa do Ceará Sem Fome chega aos beneficiários com o objetivo de mudar a realidade através da capacitação para uma profissão. Dentre as pessoas tocadas pela nova etapa está Maria Eduarda, moradora do bairro Serrinha, em Fortaleza. “É emocionante ver que tem gente que se importa com a gente, jovens da periferia, porque de onde eu venho, geralmente não temos perspectivas de futuro. Hoje estou concluindo o curso de operador de caixa e tenho sonhos muito grandes. Então, eu sei que esse é só o começo. Ver projetos como este faz com que eu sinta que não sou esquecida”, compartilhou Maria Eduarda.

Vivendo em uma casa com mais cinco pessoas, viu no Ceará Sem Fome o alívio de ser vista. “Eu já era grata ao Ceará Sem Fome por colocar comida na mesa lá de casa e, agora que consigo ver oportunidades com essa formação, sou mais ainda”, pontuou a estudante. Quero que os jovens que tiverem essa oportunidade agarrem e não deixem passar”, complementou.

O Ceará Sem Fome + Qualificação e Renda oferece cursos nas áreas de gastronomia, moda, administração, beleza, prestação de serviços, tecnologia e recursos naturais. Além disso, em parceria com o Sebrae, também oferecerá capacitação em empreendedorismo.

O diretor presidente do Sebrae Nacional, Décio Lima, presente na solenidade de lançamento, descreveu o momento como “modificador de almas”. “Eu tenho a convicção que o Estado do Ceará, por meio de programas como o Ceará Sem Fome, tem feito um trabalho imprescindível para modificar a alma, para construir os valores que precisamos. Aqui, todos nós podemos participar de obras humanas, de inclusão, que mudam verdadeiramente a vida das pessoas”, ressaltou.

Investindo R$ 30 milhões inicialmente, o diretor-presidente enfatizou que o órgão está à disposição do Governo do Ceará para o reforço do programa.

Formar 40 mil beneficiários

Com o objetivo de formar cerca de 40 mil pessoas, os cursos serão promovidos pelas secretarias estaduais, como as do Trabalho (SET) e da Proteção Social (SPS), além de parceiros, como a Associação Cearense de Supermercados (Acesu) e Solar Coca-Cola, que já estão envolvidos.

A metodologia do novo eixo tem como foco a qualificação profissional, para que os participantes possam ter acesso ao mercado de trabalho ou possam empreender e ter acesso ao crédito, como o disponibilizado pelo Ceará Credi.

O secretário do Trabalho, Vladyson Viana, explicou como o programa funcionará nessa formação e a inserção no mercado de trabalho. “Essas cozinhas não são apenas cozinhas, elas são associações, organizações da sociedade civil, que já têm um trabalho social, uma credibilidade e uma legitimidade. Então, essa é a nossa porta de entrada para dialogar com 100 mil cearenses. E a partir desse diálogo, vamos fazer uma busca ativa nessas famílias e trazer, seja com atividade de qualificação profissional para o mercado formal ou para a frente do empreendedorismo”, explicou o secretário.

Para o empreendedorismo terão duas frentes: a vinculada ao Sebrae, que será uma ação de orientação de vocação econômica, orientação de gestão de pequenos negócios, formalização, acesso e gestão ao crédito. E a frente do Ceará Credi, com microcrédito orientado.

Em alta

Fortaleza

Outra medida para otimizar os atendimentos pediátricos é a ampliação de leitos contratualizados no Sopai, para casos em que haja necessidade de internação

ANÁLISE POLÍTICA

A vereadora Estrela Barros (Rede) tem enfrentado críticas depois dos discursos realizados na Câmara de Vereadores de Fortaleza.  Logo que deixou a base do...

Fortaleza

No primeiro lote do Vale Gás Social de 2023, Fortaleza recebeu mais de 21 mil tíquetes, que deverão ser entregues até o dia 14...

Grande Pirambu

A lotérica Casa da Sorte anunciou que vai mudar de endereço a partir do dia 14/01. Após quase 10 anos de operação no bairro...

Copyright © 2024. Todos os direitos reservados. PIRAMBU NEWS COMUNICACAO E PRODUTOS LTDA | CNPJ: 47.694.733/0001-37 R GUILHERME ROCHA 1535 SALA 10 - FORTALEZA-CEARÁ REDACAO@PIRAMBUNEWS.COM.BR CONTATO 85 99631-2719